Skip to main content

Pedalar é uma atividade que envolve um misto de sensações prazerosas, felicidade, aquele sentimento de liberdade e poder conhecer novos lugares sobre o selim. Mas também, está relacionado com responsabilidade, cuidar da segurança e estar preparado para possíveis contratempos. A medida que a prática com o pedal aumenta, crescem as chances de você ganhar mais conhecimento sobre os cuidados que deve tomar e ainda ter um melhor desempenho. Aliás, melhorar a performance no ciclismo é muito importante para curtir ainda mais essa experiência!

Além disso, um bom desempenho sobre o selim passa por um conjunto de fatores que estão interligados. A relação com o próprio corpo, estilo de vida, detalhes da bicicleta e dos equipamentos e a própria técnica para pedalar – tudo isso influencia para ter ou não um pedal de qualidade.

Pedalar com saúde, prazer e ainda obter um bom desempenho, seja em contextos competitivos ou mais recreativos, passa, também, por manter o equilíbrio entre esses fatores. Afinal, se trata de uma atividade física, portanto, hábitos saudáveis precisam estar integrados com a boa técnica para ter sucesso.

Neste post, você vai se aprofundar um pouco mais nos detalhes que vão fazer total diferença na hora de pedalar. São 4 dicas valiosas sobre a bike, os equipamentos e técnicas que vão te deixar pronto para atingir uma boa performance no pedal. Bora!

1 – Uma boa performance no ciclismo começa na utilização da bike adequada

O mercado de bicicletas apresenta uma enorme variedade de modelos, que estão cada vez mais estilosos e tecnológicos. Considerar o tipo de solo, se é asfalto ou trilha de terra, por exemplo, é um dos primeiros passos para escolher uma bicicleta, ou trocar a sua, caso necessário.

Existe um modelo especial para cada tipo de rolê e buscar esse match é fundamental para melhorar a performance no ciclismo. Se a ideia é pedalar em velocidade pelas estradas é interessante optar por uma bicicleta com boa aerodinâmica, como as road bikes.

Mas, caso a ideia seja curtir uma trilha, bikes que proporcionam conforto e resistência são as mais indicadas, tipo as Mountain Bikes.

Além da relação entre a bicicleta e a característica do rolê, também é importante pedalar em uma bike que seja adequada às dimensões do próprio corpo. Isso influencia diretamente no conforto e principalmente no desempenho da pedalada. Portanto, considere investir em um serviço de Bike Fit antes de comprar sua próxima bicicleta!

2 -Além da segurança, os equipamentos também influenciam no desempenho

Quando se fala nos equipamentos indispensáveis para andar de bike, como capacete, luvas e óculos, a segurança é um dos principais motivos para utilizá-los. Porém, escolher bons equipamentos também influencia no desempenho. A qualidade da sapatilha e das roupas também impacta diretamente na busca por melhorar sua performance no ciclismo.

É bom ressaltar que segurança e desempenho são conceitos que andam juntos. A boa aderência com o pedal, por exemplo, é importante para não se desequilibrar e ao mesmo tempo controlar a velocidade e o fluxo da pedalada. Sendo assim, é essencial entender o valor dos equipamentos e fazer boas escolhas.

Neste post do blog, você pode conferir 4 dicas para escolher uma sapatilha adequada para o seu rolê de bike!

3 – Melhorar a performance no pedal pode exigir uma boa rotina de treinos

Se o desempenho no pedal é um objetivo prioritário, assumir uma rotina de atleta é uma opção muito válida. Ter o acompanhamento de um especialista para gerir os treinos e ajudar na progressão em trilhas ou provas, pode ser uma escolha decisiva para atingir um nível diferenciado.

Fazer treinamentos que se assemelham ao estilo de uma prova que se aproxima, ou um rolê mais pesado, ajuda a preparar o corpo e a mente para esses desafios. Outras atividades também fazem a diferença, como a musculação, por exemplo, além de técnicas que trabalham o autoconhecimento e o equilíbrio mental, como o yoga.

Ao mesmo tempo, também é fundamental entender que é preciso respeitar os próprios limites. Valorizar o descanso e uma boa qualidade do sono faz parte de uma boa rotina de preparação.

[H2] 4 – Comer e se hidratar bem é imprescindível para melhorar a performance no ciclismo

É inegável o impacto que a alimentação e a hidratação exercem na saúde do seu corpo. E para quem busca melhorar a performance no ciclismo, algumas escolhas precisam ser feitas para manter o equilíbrio.

Procure ingerir alimentos que realmente dão ao seu corpo os nutrientes que ele precisa. Esse é um hábito importante, não só para o desempenho sobre o selim, mas para a vida em geral.

A essa altura, todos conhecem os alimentos que realmente são nutritivos, e também os mais destrutivos. Mas é preciso entender, também, que cada corpo corresponde a uma realidade, portanto, ter o acompanhamento nutricional é fundamental para manter uma dieta adequada. A alimentação correta também varia entre os diferentes momentos do pedal (pré, durante e depois).

Para entender melhor como organizar seus hábitos alimentares, leia o nosso guia de nutrição para os ciclistas!

Andar de bike é um hábito que pode melhorar incrivelmente a sua saúde, além de ser uma ótima opção de lazer. E o interessante é que, para seguir esse caminho, a atividade exige e incentiva outros hábitos saudáveis, como cuidar bem do corpo, da qualidade do sono e outras alternativas que equilibram a saúde física e mental.

Portanto, entender o pedal como um conjunto de boas escolhas para o seu bem-estar é um caminho sem volta. Aqui na The Bike Culture nós temos um compromisso com a ideia de aliar a bicicleta com um estilo de vida saudável. Siga-nos nas redes sociais para mais dicas!

Leave a Reply